Psicologia aplicada

mamãe de primeira viagemUma vez por mês a Bia fica quase uma semana sem comer direito, deixando a mamãe e o papai super preocupados. Assim foi semana passada aqui em casa: Alguns dias comeu bem (até demais) e outros que não tocou na comida, o dia todo.

Claro que você acaba tendo que ouvir: “Tá viciada em peito, desmama que vai comer melhor…”

Respire fundo e acredite em você!

Se o bebê está saudável, é apenas mais uma fase. Seguem alguns motivos que podem fazer a criança não comer bem:

– Dentinho nascendo (o mais recorrente aqui em casa);
– Necessidade de mudança no tipo de comida (se nem adultos gostam de comer sempre a mesma coisa, por que o bebê gostaria?);
– Ambiente não apropriado (é melhor comer todo mundo junto na sala em vez de sozinho na cozinha);
– Necessidade de autonomia (sabemos que a lambança não é legal, mas é preciso, para aprenderem a comerem sozinhos);

Já viu nossos produtos? Da uma Olhada!

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Saidinha para espairecer

pais-de-primeira-viagem-bebe-gravidez-espairecendoDica da mamãe: Compras, compras e mais compras… Que não são para você.

mamãe de primeira viagemSe você tem ou pensa em ter filhos prepare-se para incluir na sua rotina muitas idas ao supermercado.

Primeiro porque o bebê não come a mesma comida que os adultos, segundo por que eles precisam sempre de legumes frescos, que estragam facilmente, e terceiro que o desperdício de comida é inevitável no inicio, hora por que o bebê não quer comer e a comida não pode ser reutilizada e hora por que ele faz a maior lambança. A Bia, joga comida até no teto.

Sabemos que até os 6 meses, o bebê deve se alimentar apenas de leite materno, mas de qualquer forma, a mamãe precisa comer muito bem e saudável para que consiga manter a energia necessária para amamentar. O que acarretará em muitas idas ao supermercado.

Algumas dicas:

  • Já que sempre terá que ir ao mercado, coloque na agenda semanal um dia especifico já previsto, e para não comprar itens em excesso, crie um cardápio, com o menu da semana.
  • Congele algumas papinhas para os dias mais atolados, que não terá tempo para cozinhar.
  • Alguns legumes podem ser congelados como cenoura, pimentão, vagem, brócolis e espinafre. Mas devem ser lavados, cortados e escaldados antes de serem congelados.
  • Congele em potinhos pequenos, do tamanho de cada refeição sua ou do bebê.
  • Sempre que puder, faça uma comida fresca, pois além de ser mais saudável, fica mais saborosa para os pequenos.

Em tempos de crise temos que ter muita atenção para economia doméstica, evitando ao máximo compras e desperdícios desnecessários.

contribua com o pipipum

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Vitórias Olímpicas!

pais-de-primeira-viagem-bebe-gravidez-rio-2016

Dica da mamãe: As conquistas olímpicas do bebê.

mamãe de primeira viagemA Bia está com nove meses e cada dia mais nossa rotina se parece com maratonas olímpicas!

Acordamos com tapinhas rítmicos (resultado da cama compartilhada) que depois emendam em corridas com obstáculos atrás do bebê (desviamos de brinquedos espalhados pela casa), depois temos arremesso de comida (ah… introdução alimentar), competição de natação na banheira (água pra todo lado), luta peso pesado da hora do ninar (cada vez mais difícil fazer essa pequena dormir), limpeza da casa sincronizada com a soneca do bebê… E assim vai um dia intenso de “esportes”.

Quando ela ainda era um recém-nascido eu queria tanto que ela engatinhasse logo pois achei que ia ser mais fácil… Haja falta de experiência!

Cada vez que ela vai se desenvolvendo, tudo fica mais intenso e o cansaço físico maior também, mas ao mesmo tempo, ela vai mostrando sua personalidade que é HILÁRIA e nosso amor cresce junto com ela.

As conquistas diárias dela como conseguir descer do sofá, jogar brinquedos dentro de caixas ou apontar o dedinho para o que deseja ver de perto, trazem a tona uma felicidade que é a maior recompensa de ser mãe.

Nunca imaginei que estes pequenos gestos fosse trazer tanta alegria!

E enquanto eu escrevia este post… Ela acaba de conseguir subir sozinha no sofá!! Mais uma medalha pra Bia!!!

contribua com o pipipum

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Semana Mundial da Amamentação

beneficios da amamentacao

Dica da mamãe: Semana Mundial da Amamentação

mamãe de primeira viagemAmamentar faz muito bem tanto para mãe como para o bebê, mas infelizmente algumas mamães ainda precisam se informar muito para poder proporcionar uma amamentação prolongada.

A Organização Mundial da Saúde recomenda que seja no mínimo até os 2 anos, porém sabemos que na realidade essa manutenção não é muito fácil. Principalmente devido ao fim da licença maternidade ser, muitas vezes, menor que 6 meses.

E, para celebrar esta semana tão especial, no post de hoje teremos dicas de como manter a produção de leite pelo menos até os 6 meses do bebê:

-Ordenhe leite e congele, com data e hora identificadas, para quem for ficar com o bebê poder dar em forma de copinho ou mamadeira (é recomendada a técnica do copinho, que você pode aprender no banco de leite ou aqui).

– Ordenhe no trabalho com bombinha ou a mão se houver local apropriado e coloque em potes de vidro esterilizados (tipo maionese) e em uma geladeira ou saco térmico com gelo para manter resfriado até chegar em casa. Assim você ainda pode dar o leite no dia seguinte. Na geladeira dura 24h e congelado até 15 dias.

-Quando chegar em casa, amamente seu bebê em livre demanda, pois isso ajuda na manutenção do leite a criança “mata a saudade”.

– Quanto mais você retirar o leite, maior a produção.

– Beba muita água. Pelo menos os 2,5 litros normalmente recomendados para quem amamenta.

– Como o estresse reduz a produção de leite, retire-se para um local calmo antes de amamentar ou ordenhar e relaxe. Tome um chá ou um suco ouvindo aquela música que te deixa zen.

– Às vezes, o peito parece murcho e vazio, e você acha que a produção está baixa, mas basta apertar a auréola dos seios para confirmar que estão bem abastecidos. Essa falsa impressão ocorrer porque chega um momento em que a produção se adéqua à quantidade de leite consumida por seu bebê e, com o passar do tempo, vai diminuindo. Mas se você estiver querendo aumentar essa produção tome muita água, chás, sucos e frutas suculentas.

É óbvio que não é fácil manter essa rotina diariamente, mas persista. A recompensa será um bebê mais forte, saudável e uma mamãe com menos risco de desenvolver mastite ou até mesmo câncer de mama.

Para saber mais acesse: Babycenter

contribua com o pipipum

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Tabela nutricional (segundo a Bia)

pais-de-primeira-viagem-bebe-gravidez-dia-nutriDica da mamãe: Ao gosto do bebê

mamãe de primeira viagemA Bia está com 8 meses e percebemos que ela já tem algumas predileções alimentares. Notamos, por exemplo, que ela curte brócolis, beringela e chuchu, e rejeita carne, abobrinha e batata-doce.

A pediatra explicou pra gente que é muito importante introduzir a maior variedade possível de alimentos, até aqueles de que nós mesmos não gostamos! Assim, o bebê irá se acostumar com os mais diversos sabores desde cedo. Porque conhecendo o sabor dos alimentos ele terá mais chances de se alimentar de forma mais saudável no futuro.

Mesmo que o bebê não demonstre interesse por essa ou aquela comidinha, insista sempre, pois em algum momento ele pode mudar de ideia. 😉

Mas, é importante lembrar, há muita coisa que não é recomendada para bebês de menos de 1 ano: açúcar refinado ou mascavo, mel, chocolate, laticínios, leite fermentado, biscoitos ou bolachas doces e recheadas, café, embutidos (presunto, salsicha, peito de peru), refrigerantes, sucos adoçados, entre outros.

contribua com o pipipum

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail